APESAR DE VCs

APESAR DE VCs
Retomaremos este Blog para postar as Histórias da Ditadura, como um BLOG janela ligado ao Blog JUNTOS SOMOS FORTES

NOSSOS HEROIS -

NOSSOS HEROIS -
Amigos(as) Criei uma pagina no FACEBOOK intitulada : NOSSOS HERÓIS. Meu objetivo é resgatar a história dos mineiros (as) que lutaram contra a ditadura militar. Fui Presidente do Comitê Brasileiro Pela Anistia/MG e estou postando todas anotações que fiz durante esse periodo. São documentos históricos e inéditos. Caso tenha interesse dê uma olhadinha Abraços BETINHO DUARTE

Sunday, March 09, 2014

FALTAM 3 MESES PARA A COPA DO PANDEMÔNIO

Dedico a música do dia ao PSDB e a Geraldo Alckmin, pela relevante contribuição que deram aos ideais igualitários...

Após quase 20 anos de governos tucanos, não será mais exclusiva do morro a situação descrita na marchinha "Lata d'água", de Luís Antônio e Jota Jr., que fez muito sucesso no carnaval de 1952 e foi incorporada ao filme Tudo azul (tal trecho pode ser acessado  aqui), cuja atriz principal era exatamente sua intérprete, a cantora Marlene.

Quem imaginaria que, meio século depois, esta velha pérola da MPB fosse se tornar novamente atual?!

LATA D'ÁGUA

Lata d'água na cabeça
Lá vai Maria
Lá vai Maria
Sobe o morro e não se cansa
Pela mão leva a criança
Lá vai Maria

Maria 
Lava roupa lá no alto
Lutando 
Pelo pão de cada dia 
Sonhando 
Com a vida do asfalto
Que acaba 
Onde o morro principia.

Lata d'água na cabeça...

Agora, vai haver racionamento em São Paulo e pessoas de todas as classes terão de carregar latas d'água na cabeça. Não era bem o que Marx pretendia, mas a nivelação por baixo parece ser a única possível no Brasil de hoje...

Isto cerca de 25 anos depois da entrevista que fiz com o então titular da Secretaria de Obras e Meio Ambiente. Ele alertou que a situação ficaria crítica com o crescimento caótico da Grande São Paulo (principalmente), o custo proibitivo da captação da água em lençóis cada vez mais distantes, a contaminação dos mananciais por esgotos e dejetos industriais, o desperdício generalizado.

Tudo se sabia, pouco se fez e a bomba relógio se aproxima do momento da explosão. 

Merecidamente, num ano eleitoral. Será o justo castigo para quem preferiu investir nas obras mais vistosas do que nas mais necessárias. Que os tucanos paguem seus pecados nas urnas!

O mesmo se aplica aos petistas, que completarão 12 anos no Palácio do Planalto sem terem adotado medidas prementes para garantir  a continuidade do fornecimento da energia elétrica, hoje à beira do colapso.

Copa das Maracutaias ameaça se tornar também a Copa do Pandemônio, com o povo sedento e os estádios às escuras.

Na boca dos nossos governantes caberiam frases semelhantes àquela que celebrizou a rainha Maria Antonieta (mesmo sem tê-la, verdadeiramente, proferido): Não têm água? Que bebam futebol. Falta  luz? Que acendam velas!

No comments: